Get Adobe Flash player

Pernambuco

Renovação: Ninho é considerado um parlamentar dinâmico.

Renovação: Ninho é considerado um parlamentar dinâmico.

Com apenas dois anos de mandado, o deputado federal Severino Ninho (PSB) é apontado pela revista Veja e pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro, como um dos 38 deputados federais mais atuantes do País. O resultado da pesquisa saiu na edição 2353, de 25 de dezembro de 2013.

A revista Veja, em parceria com a Universidade Estadual do Rio de Janeiro, elaborou o ranking dos deputados federais que mais trabalharam pelo Brasil, no Congresso Nacional, em Brasília, tendo o deputado federal Severino Ninho (PSB-PE.), ficando na colocação 38º entre os 513º parlamentares do Congresso. O deputado Ninho, como é mais conhecido, assumiu em 20 de outubro de 2011, a vaga deixada por Ana Arraes, mãe do governador Eduardo Campos, e com apenas dois anos de mandato, já tem o seu trabalho reconhecido pela mais importante revista do Brasil, a Veja, e por um órgão de pesquisa da Universidade Estadual do Rio de Janeiro. A pesquisa da Veja e da Universidade foi baseada em nove eixos de atuação.

Ninho, que foi o único deputado de Pernambuco e o 2º do Brasil a abrir mão do direito de receber o 14º e 15º salários, conhecidos por auxílio paletó, na edição de 28 de julho de 2013, já havia sido considerado pelo Diário de Pernambuco, como o deputado federal mais atuante de Pernambuco. Veja a matéria completa no site veja.com. “O nosso trabalho está sendo reconhecido pela população” concluiu.

O ex-prefeito de Igarassu Jurandir Bezerra Lins, 79 anos, faleceu na manhã deste domingo (2) vítima de câncer linfático. Por duas vezes o político foi prefeito do município. Além disso, Lins foi vereador no município por vários mandatos e presidente da Câmara.

Com formação em administração de empresas e proprietário da Faculdade de Igarassu, ele desde 2007, era diretor da Escola do Legislativo, da Assembleia Legislativa de Pernambuco. O político e empresário deixa cinco filhos e viúva Sandra Suely.

O Velório será a partir das 13h, na Câmara dos Vereadores de Igarassu, e o enterro ocorrerá nesta segunda-feira, às 16h, no Cemitério de Igarassu.

Fonte:  Do Diario de Pernambuco.

(Foto: Clemilson Campos/JC Imagem)

(Foto: Clemilson Campos/JC Imagem)

A presidente Dilma Rousseff e o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva deixaram de lado as divergências políticas e enviaram mensagens de congratulações a Eduardo Campos (PSB) pela chegada de Miguel, quinto filho do governador de Pernambuco que nasceu na terça-feira (28) em Recife.

Dilma, que deve enfrentar Campos na disputa pelo Palácio do Planalto, em outubro, enviou um buquê de flores e uma carta endereçada ao governador e sua mulher, Renata, cujo teor não foi revelado.

Já o ex-presidente Lula telefonou para o governador. Segundo relatos, ambos se emocionaram ao comentarem que Miguel nasceu com Síndrome de Down. Eduardo foi ministro da Ciência e Tecnologia no governo do ex-presidente e se elegeu governador com apoio dele.

Fonte: Da Agência Estado.

O ato de jovens contra a presença do deputado federal Marco Feliciano (PSC-SP) durante um evento evangélico em Prazeres, Jaboatão dos Guararapes, no Grande Recife, nesta quinta-feira (30), não teve nem de longe o número de participantes confirmado pelo evento no Facebook. Aproximadamente 20 pessoas participaram da manifestação. Dessas, só dois casais promoveram o “beijaço”. Mas, apesar de poucos, o grupo chamou a atenção do político. De cima do trio elétrico do “Projeto Libertador”, o parlamentar deu o recado: “Vocês [os manifestantes] estão me fazendo um bem tremendo e eu fiquei ainda mais forte depois disso. Esse povo ajuda na minha candidatura à Presidência da República”.

Na plateia era possível identificar a bandeira do arco-íris, símbolo do orgulho LGBT, em meio às bíblias dos fiéis. Mesmo afirmando que estava ali como pastor e não como político, Feliciano fez um discurso ácido e disparou indiretas ao grupo de opositores, com direito a pedido de palmas pelo público. “Vamos bater palmas para eles. Só peço que respeitem os que vieram aqui para orar”, defendeu.

Durante a pregação, repleta de palavras mais exaltadas e elevação no tom da voz, o deputado norteou a fala sobre a inconsequência da juventude. Ele utilizou passagens do livro de Provérbios para alfinetar os jovens.

Feliciano ganhou destaque nacional na época em que presidiu a Comissão de Direitos Humanos. Acusado de homofobia e racismo, ele conquistou a antipatia dos movimentos LGBT por causa de projetos polêmicos, entre eles a “cura gay”, a iniciativa orientava os homossexuais a procurarem psicólogos “para se tratar”.

“Certa vez, um representante do movimento LGBT foi ao Congresso e se disse impressionado em como as críticas contra mim só me deixaram mais forte”, disse, durante a fala.

Antes da pregação, o deputado federal Anderson Ferreira (PR) afirmou que liberdade não poderia ser confundida com libertinagem. “Seria o mesmo que eu entrasse numa boate e quisesse pregar o evangelho”, exemplificou.

(Foto: BlogImagem)

(Foto: BlogImagem)

“Nosso beijaço é um ato de repúdio às ideias fundamentalistas do pastor Marco Feliciano. Estamos aqui para mostrar que o País é livre e laico, que a homossexualidade é natural”, disse o integrante da Juventude Popular Socialista, Cristiano Vasconcelos.

Juntas há três meses, as estudantes Maria Augusta Brandão e Mia Aragão participaram do “beijaço” e afirmam que o gesto é uma tentativa de combater a homofobia e afrontar as posturas preconceituosas de Feliciano.

Fonte: Por Marcela Balbino, do Blog de Jamildo.

O prefeito do Recife, Geraldo Julio (PSB), aparece como o segundo gestor de capital mais bem avaliado na pesquisa divulgada nesta quarta-feira (30) pelo instituto Vox Populi, encomendada pela TV Band. Conforme o levantamento, 39 % dos recifenses apontam a gestão do socialista como ótima. O democrata Antônio Carlos Magalhães Neto, conhecido como ACM Neto (DEM), é o administrador de capital mais bem avaliado, com 51% de ótimo. Até o momento, não foram  divulgados os demais percentuais sobre a avaliação dos prefeitos.

Curiosamente, o prefeito da maior cidade do País, Fernando Haddad (PT/São Paulo) é o que registra o pior desempenho. O petista, que foi apadrinhado pelo ex-presidente Lula, recebeu apenas 1% de avaliação ótima no levantamento.

O resultado obtido por Geraldo reforça a tese de que o gestor vai se firmando como o principal nome da Frente Popular na capital pernambucana – claro, depois do governador Eduardo Campos (PSB). O chefe do Executivo recifense vai conseguindo, aos poucos, dando uma cara sua à gestão.

Nos bastidores do PSB, há a aposta de que, com a inauguração de uma série de obras que a Prefeitura do Recife dispõe para 2014, o prefeito Geraldo Julio poderá criar uma zona de conforto para o candidato que será indicado pelo governador Eduardo Campos para a sucessão estadual.

Fonte: Por Gilberto Prazeres, do Blog da Folha.

Sérgio foi quem aproximou Marina Silva do governador Eduardo Campos. (Foto: Nando Chiappetta/DP/D.A PRESS)

Sérgio foi quem aproximou Marina Silva do governador Eduardo Campos. (Foto: Nando Chiappetta/DP/D.A PRESS)

A Rede deve engrossar um pouco mais o caldo da sucessão estadual no próximo final de semana. O receio do senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) em aceitar o convite do governador Eduardo Campos (PSB) para concorrer à reeleição abriu espaço para o surgimento de outro nome no cenário, o do secretário de Meio Ambiente, Sérgio Xavier, filiado ao PV. No sábado, representantes da sigla da ex-senadora Marina Silva vão se encontrar para debater estratégias eleitorais para 2014 e um dos pontos a ser discutido será o nome de Xavier como opção para o Senado. Argumentos não faltam à Rede para sustentar o nome do secretário, que tem ligação umbilical com o PV de Pernambuco. Os marineiros, contudo, só vão se aprofundar no assunto após o dia 4 de fevereiro, quando Eduardo e Marina vão lançar as diretrizes do programa de governo em Brasília.

Sérgio Xavier não foi localizado pela reportagem para falar sobre o assunto. Mas o nome dele vem sendo defendido especialmente pelo presidente do PV estadual, Carlos Augusto, e por lideranças nacionais próximas a Marina, que pediram reserva. Todos sustentam que a aliança entre a Rede e o PSB praticamente começou por Pernambuco, por meio de conversas entre Xavier e Marina Silva. Os dois são muito próximos desde a campanha de 2010, considerando que, naquela época, Marina saiu como presidenciável e Sérgio Xavier concorreu ao governo do estado contra o próprio Eduardo Campos. Pouco depois, o PV se aliou ao governador e Xavier foi chamado para ser secretário. O papel dele na aproximação entre Eduardo e Marina Silva foi admitido pela ex-senadora, quando ela esteve em Pernambuco em outubro do ano passado.

O debate sobre o nome de Sérgio surgiu um dia depois de Marina dizer a alguns jornalistas que aceitaria ser vice de Eduardo. O titular da pasta de Meio Ambiente, nesse caso, estaria sendo trabalhado para o Senado num quadro onde Jarbas não será candidato à reeleição e o deputado federal Raul Henry, do PMDB, estará como vice na chapa majoritária encabeçada pelo PSB. É importante ressaltar que o PMDB delegou a Jarbas o papel de articulador junto a Eduardo, os dois já conversaram sobre o assunto de forma sutil e o senador estaria repensando a possibilidade de concorrer ao Senado.

Eduardo não botou nenhum obstáculo à reeleição de Jarbas, mas deu acesso a ele sobre as pesquisas de opinião que o PSB realizou neste mês. Nelas, Jarbas aparece como favorito ao Senado, com cerca de 35% a 40%, inclusive acima do ex-prefeito João Paulo (PT). Mas ele não tem certeza de que terá afinidade o suficiente com o nome a ser escolhido por Eduardo para disputar o governo. Se for um nome dos quadros mais técnicos do PSB, por exemplo, Jarbas não se sentiria à vontade, nem se encaixaria no discurso do “novo” pregado por Eduardo.

Fonte: Por Aline Moura, do Diario de Pernambuco.

Durante assembleia realizada nesta quarta-feira (29), os servidores dos Correios de Pernambuco resolveram deflagrar greve por tempo indeterminado a partir da 0h desta quinta-feira (30). Segundo o Sindicato dos Trabalhadores dos Correios e Telégrafos de Pernambuco (Sintect-PE), o Governo Federal pretende terceirizar o plano de Saúde, que hoje atualmente se chama Correio Saúde, e funciona em regime de auto-gestão para criar uma nova subsidiária terceirizada. Para a categoria, a mudança representa uma perda.

Outra decisão tomada na assembleia, segundo a assessoria do sindicato, foi a de realizar uma passeata em apoio à Oposição Rodoviária, que deflagrou uma paralisação também para esta quinta-feira (30). Segundo o sindicato, a categoria já estava em estado de greve desde o último dia 9, durante audiência.

Com a decisão, os próximos passos serão: a realização dos chamados ‘piquetes’, na entrada dos centros de distribuição e agências logo cedo. Às 16h, uma nova assembleia está convocada para acontecer em frente à sede dos Correios, na avenida Guararapes, no Centro do Recife.

Fonte: Por Wagner Santos, do Folha PE.

(Foto: BlogImagem)

(Foto: BlogImagem)

Na mesma entrevista em que disse que o projeto do PT para o País precisava acabar antes que ele acabasse com o partido, o líder do Governo Eduardo Campos na Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe), Waldemar Borges (PSB), afirmou que a presidente Dilma Rousseff (PT) tem medo de enfrentar o governador Eduardo Campos (PSB) nas eleições deste ano. ”A gente sabe que ela tem muito medo do Eduardo Campos”, afirmou, em entrevista à Rádio JC News.

Waldemar disse que o PSB vai reconhecer os avanços promovidos pelos governos de Dilma e do ex-presidente Lula na disputa eleitoral, mas afirmou que o partido irá defender alguns debates. Dentre eles, está a alocação prioritária de recursos públicos para determinados estados do País. “Há uma quase exclusividade na alocação de recursos no Sudeste”, disse.

Fonte: Por Paulo Veras, do Blog de Jamildo.

Jarbas se encontrará na próxima semana com Eduardo. (Foto: JC Imagem)

Jarbas se encontrará na próxima semana com Eduardo. (Foto: JC Imagem)

Com o nascimento do quinto filho do governador Eduardo Campos (PSB), ficou para a próxima semana a conversa reservada que ele teria nessa quarta-feira com o senador Jarbas Vasconcelos (PMDB) sobre a eleição estadual. O encontro havia sido marcado na semana passada.

Eduardo e Jarbas estvieram juntos no último sábado (25), quando almoçaram com outras lideranças na casa de praia do peemedebista, no Janga, para celebrar a passagem do senador tucano Aloysio Nunes (SP) por Pernambuco.

Apesar de a reeleição de Jarbas ter sido colocada como prioridade pelo PMDB, ele não está decidido a entrar na disputa. Ainda há burburinhos de que a vaga “dele” na majoritária seria dada para o ex-ministro da Integração Nacional Fernando Bezerra Coelho, descartado por Eduardo Campos de disputar o governo do Estado, como deseja.

Em meio ao embaraço para compor a chapa da Frente Popular e à ansiedade dos aliados, desde a semana passada Eduardo Campos tinha avisado que, quando iniciasse as conversas, os primeiros com quem entrará em contato serão o senador peemedebista e com João Lyra Neto (vice-governador, do PSB).

Fonte: Do JC Online.

(Foto: BlogImagem)

(Foto: BlogImagem)

Recém-ingressado na oposição ao Governo do Estado, o deputado estadual Sérgio Leite (PT) deu a entender que o partido tentará usar a Assembleia Legislativa de Pernambuco (Alepe) para desconstruir o discurso de “nova política”, utilizado pelo governador Eduardo Campos (PSB) para pavimentar sua candidatura presidencial.

“O Brasil precisa saber do ‘novo’ na visão da oposição”, afirmou o petista, que assumirá a liderança oposicionista na Assembleia, em entrevista à Rádio JC News nesta quinta-feira (30). “O que é velho e está se passando pelo novo a gente vai ter a oportunidade de mostrar”, explicou.

O deputado afirmou ainda que, por uma questão de estratégia, não vai adiantar o modus operandi da nova oposição, mas garantiu que a bancada irá trabalhar articulada, desconstruindo o discurso governista com números e dados.

O petista também afirmou que a bancada deve se reunir na próxima semana, quando a Alepe volta aos trabalhos, para traçar bem o papel que cada um irá desenvolver na Casa.

Fonte: Por Paulo Veras, do Blog de Jamildo.

Pesquisar
Publicidade





Encontre-nos no Facebook