Get Adobe Flash player

Nem mesmo a chuva tirou o brilho e a alegria da turma da terceira idade que faz parte do Programa Saúde em Movimento, em Paulista. No dia 20 de dezembro, os participantes realizaram a Caminhada Natalina, que percorreu as principais vias do bairro de Maranguape I com músicas da época executadas por uma orquestra. A concentração aconteceu na Praça Emílio Russel.

Este ano, o grupo prestou uma homenagem ao ex-participante da equipe, o maestro Isaac Leandro da Silva, que morreu há quatro meses. Um dos três filhos do maestro, o músico Cléber Silva, estava feliz e emocionado com a homenagem. “Meu pai foi uma pessoa muito importante para a comunidade com a questão de banda de música. Aqui na praça, ele sempre vinha fazer os exercícios e sempre que podia trazia a banda para fazer os eventos”, disse.

Anatilde Lima Silva, 90 anos, uma das frequentadoras mais antigas do Saúde em Movimento, disse que a vida melhorou com os exercícios. “Eu não tenho nenhum problema de saúde. Com 90 anos, sou uma pessoa feliz e de bem com a vida”, enfatizou.

Uma das mais animadas, a aposentada Maria José Rodrigues, 76 anos, faz parte do programa desde 2004. Para a aposentada, a prática dos exercícios proporciona qualidade de vida. “ Não preciso nem tomar remédio de pressão pois o grupo só me traz saúde e vigor”, completou.

De acordo com Valdir Santos, coordenador da Saúde do Idoso do Paulista, a caminhada serve para proporcionar mais integração entre os idosos. “O que buscamos é sempre manter os participantes envolvidos em atividades recreativas como essa. Com isso, resgatamos a autonomia e a independência dessas pessoas”, enfatizou.

“Todos os anos, o Saúde em Movimento promove a confraternização entre os participantes dos polos. A ideia é proporcionar a interação entre os idosos através de uma caminhada, com música e café da manhã. O programa visa mais qualidade de vida. Queremos que o idoso se torne uma pessoa ativa, dinâmica e autônoma”, disse a secretária de Saúde Fabiana Bernart.

O Programa Saúde em Movimento conta com 28 polos espalhados pelo município. Atualmente cerca de três mil idosos fazem parte do programa que oferece atividades físicas supervisionadas e atendimento médico. O programa é coordenado pela secretaria de Saúde da cidade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Publicidade
Encontre-nos no Facebook