Abreu e Lima Social

JK milita pelas causas sociais

De origem humilde, aos 14 anos, após ser catequisados por frades franciscanos, Wellington Nascimento, ingressou no Movimento Estudantil Secundarista na Escola Estadual Alberto Torres, em Maceió (AL). Wellington, ficou conhecido em Abreu e Lima como JK, tornando-se liderança nos movimentos sociais de luta por moradia, por meio da capelania social da Igreja Anglicana, onde acompanhou o líder, o reverendo Marcos Cosmo do Movimento dos Trabalhadores Sem Teto de Pernambuco (MTST).

Segundo JK, após ter militado por alguns anos no Partido Comunista Revolucionário (PCR), filiou-se ao PT, onde militou até 2011 “quando ajudei a fundar uma tendência à Esquerda Popular Socialista (EPS), em Itaquaquecetuba (SP)”, explicou JK.

Ele disse que ao sair do PT, enfrentou um novo desafio, propondo-se como liderança na nova esquerda no Litoral Norte, pelo Partido Socialista e Liberdade, ao qual é membro da tendência Trabalhadores na Luta Socialista (TLS).

JK é reverendo anglicano, teólogo e acadêmico de Direito, militante dos direitos humanos e das causas sociais. Atualmente, ele está como secretário estadual do Movimento Evangélico Progressista (MEP), onde ingressou por meio do seu saudoso bispo Anglicano Dom Robinson Cavalcanti, da Diocese Anglicana do Recife.

SEJA UM ASSINANTE
Como assinante, sempre que houver uma nova postagem, você será o primeiro a receber o conteúdo, com exclusividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.