Economia Educação Pernambuco Recife

Senai vai investir R$ 35 milhões para construir Faculdade Automotiva

(Foto: Bernardo Soares/Acervo JC Imagem) (Foto: Bernardo Soares/Acervo JC Imagem)[/caption]

De carona na implantação do centro de engenharia da Fiat em Pernambuco, o Senai vai investir R$ 35 milhões na construção de uma Faculdade Automotiva e a Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) vai oferecer seu primeiro curso de especialização na área. A Prefeitura do Recife vai ceder um terreno na área do complexo do Porto Digital (provavelmente no bairro de Santo Amaro) para instalar a faculdade, com previsão de começar a funcionar em 2016.

“Seremos o primeiro Senai do Brasil a oferecer o curso de bacharelado em engenharia automotiva. Enquanto o novo prédio não fica pronto vamos funcionar numa locação provisória (também cedida pela PCR), com ideia de começar uma primeira turma de 50 a 60 alunos já em 2015”, adianta o diretor regional do Senai, Sérgio Gaudêncio. Há cinco meses a instituição desenha o projeto. Durante esse tempo, a diretoria do Senai peregrinou por São Paulo para conhecer experiências de cursos na área.

“O BNDES vai financiar a faculdade. Precisamos que a PCR defina a doação do terreno para que possamos dar entrada no projeto junto ao Ministério da Educação”, diz. A proposta do Senai é transformar a faculdade num complexo de ciência e tecnologia, trazendo para a instituição os cursos de tecnologia da informação e de mecatrônica que são ministrados na escola de Santo Amaro. A intenção do Senai é apresentar o projeto ao MEC ainda este ano.

A UFPE se prepara para iniciar em maio a primeira especialização em engenharia automotiva da instituição. A estimativa é oferecer entre 40 e 80 vagas no curso que terá uma carga horária de 360 horas. A especialização será distribuída em três módulos. Poderão se inscrever no curso candidatos das engenharias de produção, mecânica, eletrônica, elétrica, química e civil. Desde 2011, o governo de Pernambuco e o Instituto Politécnico de Turim fecharam intercâmbio para qualificar estudantes de engenharia do Estado. Uma primeira turma de alunos concluiu o curso e uma segunda voltará a Pernambuco em agosto. Mais 20 alunos seguirão viagem entre 2014 e 2015.

Fonte: Por Adriana Guarda, do JC Online.

]]>

SEJA UM ASSINANTE
Como assinante, sempre que houver uma nova postagem, você será o primeiro a receber o conteúdo, com exclusividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.