Cidade em Ação Pernambuco

Centrais sindicais de Pernambuco fazem nova mobilização terça-feira

Em uma ação contra o projeto de Lei 4330/2004, que regulamenta a terceirização no Brasil, várias centrais sindicais realizarão, na próxima terça-feira (6), um ato público, em frente à sede da Federação das Indústrias de Pernambuco (Fiepe), na avenida Cruz Cabugá, em Santo Amaro. Na ocasião, estarão presentes representantes da CUT, Força Sindical, CTB CGT, UGT, Nova Sindical e CSP-Conlutas. A decisão pelo ato foi resultado da plenária realizada na última quarta-feira (31).

De acordo com o movimento, há um retrocesso nas propostas do governo e dos empresários sobre os seis pontos considerados prioritários pelos trabalhadores: o conceito de atividade especializada, os limites à terceirização, o entrave para a quarteirização, o significado dado à responsabilidade solidária (aquela em que a empresa contratante é responsável por quitar dívidas trabalhistas deixadas pela terceirizada), o caso dos correspondentes bancários e a organização e representação sindical.

Segundo o presidente da CUT-PE, Carlos Veras, a nova onda de terceirização fragilizaria substantivamente a organização e representação sindical. Ele ressalta que o maior entrave nas negociações tem sido a postura dos representantes do empresariado, que querem a aprovação do PL 4330 da forma como está, enquanto os representantes das centrais não aceitam que o projeto possa precarizar os direitos dos trabalhadores. Ainda segundo ele, é necessário que haja uma mobilização dos sindicatos de base, para pressionar as entidades patronais e os parlamentares, com o objetivo de fortalecer a posição da categoria na negociação.

Fonte: Folha PE.]]>

SEJA UM ASSINANTE
Como assinante, sempre que houver uma nova postagem, você será o primeiro a receber o conteúdo, com exclusividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.