Economia Opinião Política

Globalização do Litoral Norte

O Brasil dos brasileiros!

A voz dos verdadeiros brasileiros assustam os Governos, Congresso, Judiciário e chegarão às Assembleias e Câmaras dos Estados e Municípios. Existe uma demonstração de fragilidade perante a classe política, despertando a sociedade em proporções avassaladoras com o direito de exigir o que é de seu “direito”. Estamos vivenciando um mundo de graves crises econômicas, tendo o FMI como um condutor dos programas de recuperação dos países problemáticos, sabemos que o Fundo Monetário enfrenta a maior crise da sua história com a Europa sucateada e sem rumo, países como Espanha, Portugal e Grécia hoje são recordistas em desemprego, tendo como resultado uma forte recessão trazendo uma revolta popular nas ruas. Lembro que na década de 1980, o elevado endividamento do Brasil levou ao país a quase insolvência, corroendo a economia, freando o desenvolvimento e enfraquecendo o mercado interno. Relembro tais episódios por sentir que estamos enfrentando um início de uma nova recessão econômica, o crescimento do dólar, a bolsa de valores em queda, o risco Brasil aumentando, o poder de compra dos brasileiros diminuindo, os salários defasados e, principalmente, a falta de infraestrutura em todas as aéreas governamentais como: habitação, saúde, educação, transportes, estradas, portos, aeroportos, capacidade energética, enfim estamos vivenciando um descaso desenfreado e com isso a sociedade está acordando de sua verdadeira realidade social, tendo sempre o costume de receber em troca de grandes arrecadações de impostos uma vergonhosa e péssima qualidade dos serviços prestados pelo governo. Além do péssimo serviço, encontramos situações desfavoráveis no que diz respeito à gestão, pessoas despreparadas, desonestas, ambiciosas, relaxadas, enfim a sociedade à mercê desses vilões. Temos casos recentes como o Mensalão, aonde consta processos transitados e julgados com figuras condenadas e ainda as tais figuras vivendo no berço esplêndido da nação. Hoje encontramos a grande realidade, a força popular intimida qualquer governo autoritário e despreparado, mas assustador ainda é olhar nossos jovens nas ruas aclamando justiça, respeito e qualidade nos serviços prestados e a classe política acuada pelo seu despreparo. O correto era ter nossos jovens em boas escolas, universidades, bons hospitais com atendimento digno e humano, transporte com qualidade, enfim todos os serviços essenciais para a sociedade com qualidade. Estamos vivendo um novo Brasil sem líderes, sem fotografias individuais de figuras políticas, tendo a massa popular determinando o que é necessário, a força do povo é um novo modelo de cobranças e de intimidação as classes privilegiadas. A minha torcida é que essas mudanças venham ocorrer nos municípios, aonde encontramos os maiores descasos administrativos, gestores preocupados apenas em sua imagem pessoal, reeleição, favorecimento a correligionários, promessas irrealizáveis, enfim quem fica com o ônus é a população que é enganada. Finalizo com bastante otimismo em acreditar que o nosso Brasil começa a despertar e discutir com toda a sociedade uma grande mudança social.

Por Jurandir Filho

]]>

SEJA UM ASSINANTE
Como assinante, sempre que houver uma nova postagem, você será o primeiro a receber o conteúdo, com exclusividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.