Abreu e Lima Esporte Lazer

Tiro Livre

Elegância e Grêmio são dois dos clubes que disputam a atual competição. Elegância e Grêmio são dois dos clubes que disputam a atual competição.[/caption]

Veteranos em ação

O Campeonato de Futebol de Campo de Abreu e Lima, versão 2013, já está em andamento. A competição, que começou no dia 20 de outubro, conta com dezesseis clubes, distribuídos em quatro grupos. No grupo A, estão Grêmio, São Paulo, Vasco e Elegância; no B, Tiradentes, Vietnã, Garra Negra e Valência; no C, Planaltense, Fortaleza, Fera e Atlético de Madrid; no D, Projeto Gol, Santa Luzia, Estudante e Juventude. As partidas vêm ocorrendo em quatro locais espalhados por três bairros da cidade: No Campo do Beira Rio (em Caetés III), Campo de Caetés II, e Campos do Bangu e de Inhamã (em Inhamã). Os jogos estão sendo realizados sempre aos domingos, no horário das 13h30 e 15h30. O certame deverá se estender até o dia 15 de dezembro.

Em entrevista ao site “Abreuelimatem.com”, o prefeito Marcos José da Silva, que visitou todos os locais de jogo no dia da abertura do torneio, revelou a intenção de ampliar investimentos em outras modalidades esportivas no Município. “Estamos felizes em inserir Abreu e Lima novamente no cenário esportivo do estado. Outras ações com outras modalidades serão realizadas em breve em nossa administração”, prometeu.

Confira a seguir os resultados da 1ª rodada, divulgados pela Prefeitura Municipal:

GRUPO A                       GRUPO B                             GRUPO C                             GRUPO D Grêmio 0x1 São Paulo     Tiradentes 0x4 Viatnã          Planaltense 4×1 Fortaleza     Projeto Gol 4X1 Santa Vasco 0x1 Elegância        Garra Negra 1×0 Valência    Fera 1×5 Atl. Madrid               Luzia Estudante 2×1 Juventude

VERGONHA No atual Brasileirão, o Náutico é um exemplo a não ser seguido. A equipe timbu se transformou na maior decepção do ano para o futebol do Estado. Para desespero de seus torcedores, o clube alvirrubro virou um vergonhoso saco de pancadas, passando por vários vexames dentro e fora de casa. Um dos mais recentes ocorreu contra o Goiás, quando o time perdeu por 2 x 0, na Arena Pernambuco, no último dia 27. Foi a 22ª derrota do time alvirrubro em 31 rodadas. Agora, já matematicamente rebaixado para a Série B, só resta ao clube e à sua diretoria passar uma borracha em 2013 e se programar para a via-crúcis de 2014. Cair é fácil! Voltar à elite do futebol nacional, porém, é outra história. Mas vale a dica: lutar para não cometer o mesmo erro, ou seja, a falta de planejamento, pois não se pode disputar uma competição tão dura como é o Campeonato Brasileiro da Série A com um time meia boca. Aliás, antes de deixar o clube, o ex-treinador da equipe, Jorginho, já havia alertado para a fragilidade do elenco timbu. “São atletas maravilhosos, que se dedicam pelo clube. Mas a diferença de qualidade para disputar uma Série A é muito grande”, desabafou, em matéria publicada pelo Diário de Pernambuco, no último dia 18 de setembro. Jorginho passou 22 dias no comando da equipe, obtendo seis derrotas e apenas uma vitória.

Por Josué Batista, [email protected]

]]>

SEJA UM ASSINANTE
Como assinante, sempre que houver uma nova postagem, você será o primeiro a receber o conteúdo, com exclusividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.