Brasil Destaque Política

Após perder o apoio da ala militar, Mandetta pode ser demitido nas próximas horas

Mandetta cometeu falta. Ele merece um cartão”, afirmou o vice-presidente da República, Mourão, referindo-se às declarações do ministro durante uma entrevista ‘bomba‘ no Fantástico, no último domingo (12).

O ministro da Saúde havia feito duras críticas ao posicionamento público do presidente Jair Bolsonaro, na contramão do que a Organização Mundial da Saúde (OMS) recomenda.

Mandetta deve ser demitido ainda hoje pelo presidente. Alguns analistas afirmam que o ministro teria forçado a sua saída do governo, para sair de cena do confronto da pandemia e da pressão que vem sofrendo.

Primeira baixa na equipe da saúde

O secretário do Ministério da Saúde, o braço forte de Luiz Henrique Mandetta, Wanderson Oliveira, acabou de pedir demissão do cargo. 

SEJA UM ASSINANTE
Como assinante, sempre que houver uma nova postagem, você será o primeiro a receber o conteúdo, com exclusividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.