Brasil Política

PSB intensificará busca de apoios à candidatura de Eduardo a presidente

(Foto: Roberto Pereira/divulgação) (Foto: Roberto Pereira/divulgação)[/caption]

A menos de três meses para o fim do prazo para que novas filiações valham nas eleições de 2014 – em setembro -, o PSB intensificará a busca de apoios à candidatura do governador Eduardo Campos (PSB-PE) a presidente. Em reunião nesta quinta-feira (18), no Recife (PE), a bancada federal do partido recebeu passe livre para prospectar nomes que fortaleçam os palanques regionais da legenda.

De acordo com o deputado federal Gonzaga Patriota (PSB-PE), que participou do encontro, o governador não se colocou como candidato, mas também não desautorizou os parlamentares a fazerem as articulações. “Catucaram, catucaram e ele amarrou o bode. Disse que não é hora de falar em candidatura, disse que é hora de organizar o partido, fortalecer as bases em cada estado e município”, relatou, ao ser questionado se Eduardo se apresentou como presidenciável. “Não adianta ele dizer que não é, porque a gente sabe que ele é. Ele nunca disse a ninguém que não é. Só em ele não dizer que não é, a gente sabe que é”, brincou. Participaram da reunião, de portas fechadas, durante mais de três horas, 16 dos 26 deputados socialistas e três senadores (ao todo, são quatro).

O governador terá agendas mensais com a bancada federal, em Brasília. Socialistas negaram que Eduardo Campos foi pressionado para oficializar sua candidatura, mas deixaram claro que os correligionários querem a postulação. “Qualquer decisão em relação à formalização (da candidatura) só se dará em 2014, mas há uma vontade. Temos condições de ter uma candidatura à Presidência da República e o partido está unido em torno disso”, disse o senador Rodrigo Rollemberg (PSB-DF).

Fonte: Por Gabriela López, do Blog de Jamildo.

]]>

SEJA UM ASSINANTE
Como assinante, sempre que houver uma nova postagem, você será o primeiro a receber o conteúdo, com exclusividade.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.